cardápio

Ajudamos XXX com YYY no ZZZ.

Ajudamos XXX com YYY no ZZZ.

Ajudamos XXX com YYY no ZZZ.

Barco com confiança enquanto navega à noite e com pouca luz.

Melhore suas habilidades de caça noturna com visão noturna colorida.

Grave e compartilhe seu amor pela aventura em qualquer condição de iluminação.

Adicione visão noturna ao seu trilho picatinny ou montagem em cauda de andorinha para o seu capacete.

Vigilância noturna para investigadores particulares e proteção executiva.

Sensores CMOS com pouca luz e projetados para qualquer aplicação personalizada.

Visão noturna colorida para vigilância de alta resolução e coleta de evidências.

Desempenho noturno aprimorado para oferecer suporte a missões de busca e resgate.

Aplicações de baixa luminosidade Mil-Spec para agências militares e governamentais.

Não sabe qual câmera é ideal para você? Obtenha ajuda para escolher.

COMPARE A GAMA

Desenvolvido para ambientes costeiros, aprimore sua percepção noturna.

Projetado para ser furtivo durante a noite e armas classificadas para rifles.

Semelhante ao Aurora Black, armas classificadas com software adicional.

Visão noturna digital com ótica premium e tecnologia avançada de sensores.

Juntamente com os acessórios perfeitos para o entusiasta da caça.

Como funciona a visão noturna

Você deu o seu primeiro passo para um admirável mundo novo

Baixe o guia GRATUITO agora

Que visão noturna permite que você veja

Usar a tecnologia atual de visão noturna em cores é uma experiência reveladora que deve ser vista para se acreditar; um mundo totalmente novo aguarda sua exploração depois que o sol se põe. Assistir a jogos, passeios de barco, observação urbana e rural, caminhadas e outras atividades ao ar livre pode ser uma experiência emocionante depois do anoitecer - especialmente com a tecnologia certa.

A escolha do dispositivo de visão noturna ideal para suas necessidades pode ser um processo complicado sem a devida orientação. Antes de restringir suas escolhas, um entendimento básico de como esses dispositivos funcionam, as diferenças de tecnologia por geração e seus recursos e benefícios devem ser entendidos para realmente apreciar o dispositivo e para tomar uma decisão de compra educada.

TIPOS DE VISÃO NOCTURNA

VISÃO ANALÓGICA DA NOITE

Todos os dispositivos analógicos de visão noturna compartilham vários componentes principais que consistem em uma lente objetiva, uma ocular, uma fonte de alimentação, um fotocátodo que aumenta a imagem e um fotomultiplicador. Os dois últimos combinados são comumente referidos como um tubo intensificador de imagem.

Intensificando a imagem
Sem dúvida, a verdadeira magia está dentro do tubo intensificador de imagem - que em termos muito básicos - absorve fótons (energia da luz) e libera elétrons (energia elétrica) antes de converter novamente em luz na forma de uma imagem.

Com esse entendimento em mente, vamos nos aprofundar um pouco mais em como tudo realmente funciona.

Na frente de qualquer dispositivo de visão noturna, há uma lente objetiva, cujo trabalho é reunir toda a energia infravermelha ambiente e artificial disponível antes de canalizá-la para um tubo intensificador de imagem acionado eletronicamente.

Esses fótons passam por um fotocátodo, que os converte em elétrons. Esses elétrons passam para uma placa de microcanal (MCP), onde são amplificados por um fator de milhares por meio de uma reação em cadeia elétrica e química criada quando impactam as paredes do microcanal. Esses elétrons efetivamente sobrecarregados batem contra uma tela revestida de fósforo, onde atingem um estado excitado, liberando fótons ou luz visível, que pode ser vista através de um olho.

A imagem aparecerá como uma recriação ampliada clara e nítida da cena que você está observando, mas em uma combinação de tons de verde e preto.

Baixe o guia agora

VISÃO DIGITAL DA NOITE

Os dispositivos digitais de visão noturna operam de maneira diferente da
dispositivos analógicos, na medida em que a luz que entra na lente objetiva é transformada em sinal digital por um sensor de imagem, da variedade Sensor Semiconductor Metal Oxide Complementary (CMOS), ou CCD (Charge Coupled Device). Essas são as mesmas tecnologias usadas em todas as câmeras digitais.

A imagem digital é aprimorada várias vezes antes de ser visualizada no visor do dispositivo. Quanto maior o tamanho do pixel do sensor CMOS ou CCD, melhor será o desempenho com luz reduzida. A SiOnyx, por exemplo, possui tecnologia patenteada que aprimora a sensibilidade aos comprimentos de onda do infravermelho próximo (NIR) e, portanto, fornece maior desempenho com pouca luz. Seus sensores CMOS produzem um desempenho extremamente bom com pouca luz, graças a uma combinação de sua tecnologia patenteada e um pixel muito maior. Atualmente, o sensor mais sensível da empresa é o XQE-1310, produzindo impressionantes 1.3 mega pixels para coletar a luz que chega.

Baixe o guia agora

VISÃO DA NOITE TÉRMICA

Uma alternativa à visão noturna é um termovisor. Em vez de procurar a luz para ampliar, um termovisor detecta radiação infravermelha por meio de microbolômetros que alteram a resistência com base em sua temperatura. Essa mudança na resistência pode ser medida e convertida em uma imagem visível por milhares de pixels do microbolômetro. Todos os objetos emitem algum nível de luz infravermelha térmica; quanto mais quente um objeto, mais radiação ele emite e mais essa luz altera a resistência de cada bolômetro.

A resolução normalmente fica muito atrás dos atuais dispositivos de visão noturna, mas os intervalos de detecção de alvos são geralmente maiores. A regra geral é que quanto maior a resolução, mais capaz é a unidade e mais ela vai custar. Como a resolução é menor que os dispositivos analógicos ou digitais de visão noturna, os termovisores são mais difíceis de interpretar e reconhecer os detalhes do objeto e a paisagem. Além disso, se todos os objetos em uma determinada cena estiverem na mesma temperatura, haverá muito pouco contraste entre eles.

Baixe o guia agora

NOVELTY NIGHT VISION

No fundo do mercado da visão noturna, os brinquedos são anunciados como dispositivos de visão noturna para os despretensiosos. Essas unidades são geralmente baratas e pretendem permitir que o usuário veja no escuro. Uma lanterna de boa qualidade é muito mais eficaz na tarefa.

Na melhor das hipóteses, esses dispositivos podem oferecer desempenho semelhante às câmeras de segurança domésticas internas baratas, equipadas com o modo noturno. Para produzir uma imagem quase visível em um ambiente com pouca luz, é necessário um iluminador externo por infravermelho ou uma fonte de luz filtrada. Mesmo assim, a imagem só é discernível a distâncias muito próximas e, normalmente, é mais eficaz dentro dos limites de uma pequena sala com paredes refletivas de cor clara.

Em condições de pouca / nenhuma luz, mesmo com o auxílio de uma fonte de luz artificial, esses dispositivos oferecem alcance extremamente limitado e sofrem com ruído eletrônico excessivo que obscurece a imagem. Qualquer coisa além da distância do seu iluminador de inundação será irreconhecível.

Embora esses novos dispositivos usem um sensor digital, eles não devem ser confundidos com dispositivos de visão noturna digital de alta qualidade e equipados com CMOS.

Baixe o guia agora

CONHEÇA A HISTÓRIA INTEIRA

Faça o download do estudo de caso completo sobre visão noturna SIONYX aqui

Pesquisar